04/08/2017

Foto: Ascom Adufal

Na noite desta quinta-feira (03) a Associação dos Docentes da Universidade Federal de Alagoas (Adufal) recebeu o coletivo Intervozes para discutir as políticas públicas de comunicação no Brasil e a experiência na América Latina. O debate aconteceu com o lançamento do relatório Direito à Comunicação no Brasil (2016) e do documentário Julio quer saber, ambos produzidos pelo Intervozes.

Os documentos mostram a necessidade de regulamentar os meios de comunicação no Brasil e esclarecem a intencional confusão produzida pelos grandes conglomerados da mídia que dizem que regulamentação é censura. Para o Intervozes, trata-se exatamente do contrário.

“É importante se inteirar deste debate, entender as nuances da grande mídia que tenda desvirtuar o debate. Regulamentar não é censurar e sim garantir regras mais justas para todos”, explicou Iara Moura, do Intervozes.  

Para Elida Miranda - também integrante do coletivo- o espaço foi importante para aglutinar forças nas lutas locais. “O Coletivo Intervozes agradece a parceria e o envolvimento da Adufal nesta pauta, pois é com essa clareza a qual a entidade tem que conseguiremos somar forças para enfrentar o monopólio da mídia e termos um país mais justo. A luta da democratização é uma luta de todos/as”, destacou Elida Mirada.  

O relatório e o documentário foram lançados em Alagoas em dois momentos. O primeiro aconteceu na quarta-feira (02), na Universidade Federal de Alagoas (Ufal), com a participação dos estudantes e em seguida na Adufal, na quinta-feira (03), com o debate entre os/as docentes e sociedade em geral.  

Direito à Comunicação no Brasil (2016)

O relatório traça um panorama dos principais acontecimentos do ano no campo das políticas públicas na área radiodifusão e internet no último ano. A publicação analisa o desmonte da comunicação pública com a intervenção de Temer na EBC, as violações à liberdade de expressão e manifestação e à comunicação comunitária, as ameaças à internet livre, com mudanças no Marco Civil da Internet, e o crescimento do controle de canais por grupos religiosos e por parlamentares.

Segue o relatório na íntegra:

http://intervozes.org.br/arquivos/interliv010dac2016.pdf

Julio quer saber

O documentário ‘Julio quer saber’ é uma produção do Intervozes financiada de maneira colaborativa e promove uma reflexão sobre a democratização da comunicação no Brasil a partir da experiência de aprovação da Ley de Medios argentina.

Assista o documentário:

http://intervozes.org.br/4083-2/

 

 

 

Fonte: Ascom Adufal

  • Rua Dr. José de Albuquerque Porciúncula, 121 Farol Maceió-AL CEP: 57051-345
    seg á sex 09:00 às 18:00

  • Sede Farol

  • (82) 3241-1880

  • (82) 3241-1662

  • (82) 9.9992-6899

  • CIC

  • (82) 9.9953-0275

2017

Adufal - Associação dos Docentes da Universidade Federal de Alagoas

Acesso Webmail